você está em » Artigos de Tecnologia
Data de Publicação: 19/05/2017
Pesquisadores acreditam que ataque maior que o WannaCry poderá acontecer
Malware, por ser silencioso, pode ter feito ainda mais vítimas no mundo.


O ataque virtual que aconteceu na última semana ainda está rendendo alguns prejuízos em várias partes do mundo. De acordo com especialistas em segurança, a brecha usada no ataque também já foi utilizada em uma edição anterior, que pode ter vitimado mais máquinas e também usuários do que o atual. Até então, os números somam 200 mil computadores comprometidos no mundo todo.

Novo Wanna Cry?O ataque anterior foi chamado de Adylkuzz, e utiliza a mesma arma EternalBlue desenvolvida pela NSA e vazada pelo grupo Shadow Brokers. A diferença é método usado: Ao invés de travar o computador e pedir resgate para liberá-lo, o malware instala um software para mineração da criptomoeda Monero, semelhante à Bitcoin, porém, que promete o anonimato de todas as transações.

De acordo com o especialista de segurança Proofpoint, o ataque teve início entre 24 de abril e 2 de maio, agindo de modo mais silencioso.

O modo de agir do Adylkuzz é muito direto, através da brecha EternalBlue, os computadores acabam infectados com um sistema chamado DoublePulsar, que acaba abrindo uma porta dos fundos para a instalação do AdyKuzz.

"As estatísticas iniciais sugerem que esse ataque pode ser em maior escala que o WannaCry, afetando centenas de milhares de computadores e servidores ao redor do mundo", informa a empresa

Diferentemente do WannaCry, não há nenhuma tela informativa sobre um computador infectado. Os sintomas são a perda de acesso a recursos de rede e também lentidão no computador. Sendo assim, por ser mais discreto, ele pode ter feito mais vítimas, o que o deixa impressionante e perigoso.

Para prevenção do Adylkuzz a prevenção é a mesma, ou seja, atualização do Windows.

VEJA TAMBÉM
Pesquisadores acreditam que ataque maior que o WannaCry poderá acontecer
Apple apresenta novos MacBooks
10 dicas de segurança na internet para iniciantes
Para conferir em 2017: as 10 tendências e tecnologias quentes em PCs
Melhores antivírus gratuitos de 2017
Conheça os diferentes tipos de impressora e descubra a ideal para você
SanDisk lança unidade USB que transfere filme em 4K em menos de 15 seg
Kaspersky Lab lista 10 dicas simples para se proteger do sequestro digital (ransomware)
AMD ou Nvidia? Quem mais se destacou no mercado de placas de vídeo
Processadores, SSDs e teclados: dez tendências tecnológicas para 2017
Visite-nos nas redes sociais:         
Copyright © 2017 Bios Mais Tecnologia
Todos os direitos reservados.
  Rua Pernambuco, 39 - CEP 15.800-080 - Catanduva-SP
  Telefone/Fax: (17) 3531-2900
  E-mail: info@bios.com.br